sábado, 27 de dezembro de 2008

E 2008 já está a terminar ... o que ARRISCÁMOS ?

Olá a todos :)


Espero que tenham tido um Natal excelente, com tudo o que desejaram: a companhia dos que mais amam, o tempo para pararem da agitaçao do dia-a-dia, para reflectirem, para descansarem, para até receberem aquela prenda tao especial que já desejavam há algum tempo ...


O meu foi muito bom: em familia, os 4 mosqueteiros - eu, os meus pais e o meu irmao - em tranquilidade, risota, a lembrarmo-nos de episódios, estórias passadas em conjunto, emoçoes vividas, tudo na companhia das tradiçoes da época: boa comida, excelente vinho, alguns doces - convém nao abusar muito neste item !!


É sempre nesta altura do ano que nos damos conta que o tempo é tao voraz, que corre a uma velocidade quase olimpica e quase inconscientemente fazemos balanços: positivos ou negativos; do que fizemos ou deixámos por fazer; das decisoes tomadas e cumpridas e das que faltam cumprir; do que de bom e de mau aconteceu em torno de nós; do que mudou ou fizémos para que mudasse na nossa vida.


Pensamos nos que nos sao realmente importantes e para nos facilitar a tarefa compartimentamos por áreas: decisoes pessoais, profissionais, amigos, saúde, novos projectos, etc, etc. E com isto ficamos mais ou menos contentes connosco, com o que fizémos ou nao.


Tudo se resume a ARRISCAR ou nao, a seguir ou nao a nossa intuiçao ...

Arriscar é Viver - Kierkgaard
Rir é arriscar-se a parecer louco.

Chorar é arriscar-se a parecer sentimental.
Estender a mão é arriscar-se a envolver-se.
Expor seus sentimentos é arriscar-se a expor o seu eu verdadeiro.
Expor suas idéias e sonhos em público é arriscar-se a perder.
Viver é arriscar-se a morrer.
Ter esperança é arriscar-se a sofrer a decepção.
Tentar é arriscar-se a falhar.
Mas... é preciso correr riscos.
Porque o maior azar da vida é não arriscar nada...
Pessoas que não arriscam, que nada fazem, nada são.
Podem estar evitando o sofrimento e a tristeza.
Mas assim não podem aprender, sentir, crescer, mudar, amar, viver...
Acorrentadas às suas atitudes, são escravas, abrem mão da sua liberdade.
Só a pessoa que arrisca é livre...
Arriscar-se é perder o pé por algum tempo.
Não se arriscar é a perder a vida...


Para todos os que me sao queridos - eles sabem bem quem sao - os meus votos que em 2009 ARRISQUEM muitissimo, que vivam, que sintam tudo o que os rodeia ...

Para todos, um xi-coraçao enorme e beijos e mais beijos carinhosos

7 comentários:

Leticia Gabian disse...

Arriscar, sempre!

"Navegar é preciso..."

SEMPRE!!!!!


Beijo enorme, enorme, querida

Maria disse...

Ousar arriscar
ousar mudar
ousar viver!

Bom ano de 2009 pra ti!

Beijos

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Amiga(o)

Não te conheço, senão através do blogue da Letícia. Mas, estou tão contente de te dar a conhecer este evento, que te informo do que se segue. Gostaria que comentasses no meu www.aminhatravessadoferreira.blogspot.com. Agradeço-te. E, se quiseres seguir o meu blogue também te deixo o meu muito obrigado. Vou fazer o mesmo com o teu, se tal for possível. Combinado?
Meu imeile ou imilio: hantferreira@gmail.com. Espero por ti num ou noutro lado.
E, já agora, desejo que tivesses tido um Bom Natal e entres em 2009 preparado para a crise…

Olá!

Que desgraça! Cumpro hoje (26/12) 45 anos de prisão – e sempre com a mesma mulher, Raquel!!!!!!!!! Ainda não sei como consegui chegar até aqui... O problema é que não posso divorciar-me, pois perdia os bilhetes grátis da TAP… O facto é que a minha querida esposa é reformada dos Transportes Aéreos Portugueses e é ela que pede os bilhetes para nós dois…

!Hola!!
¡Qué desgracia! ¡Cumplo hoy mismo (26/12) 45 años de cárcel – y siempre con la misma mujer, Raquel!!!!! Todavía no sé como conseguí llegar hasta aquí… El problema es que no puedo divorciarme, pues iba a perder los billetes gratis de TAP… El hecho es que es mi querida esposa es jubilada de los Transportes Aéreos Portugueses y ella es la que pide los billetes para nosotros los dos…

Hello!

What a misfortune! Today (26/12) I fulfil 45 years under arrest – and always with the same wife, Raquel!!!!! Until now I can’t understand how I could arrive here... The trouble is I can’t divorce otherwise I would lost my free tickets in TAP... In fact, my dear spouse is retired from Transportes Aéreos Portugueses and she is who asks free tickets for us... the both.

Henrique, o Penitente
Enrique, el Penitente
Henry, the Penintent

FRANCO disse...

saber amar, o mais importante é saber amar, 1º os mais próximos depois os que nos amam, depois os outros e depois a humanidade...

MisteriosaLua disse...

Olha, eu Arrisquei, bastante,muito mesmo,e saí a ganhar!
Besos

Rogério Charraz disse...

Charol, acabas 2008 em grande, como sempre!

Bj grande e um bom ano!

zmsantos disse...

Enquanto houver estrada pr'andar
a gente vai continuar.
Beijo Carol.