segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Quem é a Carol ...parte II

Porque é que hoje estou mais triste ?
Porque é que acordei com um sentimento tao raro em mim, sem que tenha motivo aparente ?
Porque é que nao consegui ao longo do dia, mesmo sendo a correria habitual, dissipar esta nuvem de tristeza ?

Hoje é seguramente um dia em que se deveria inverter o que há dias aqui escrevi ... hoje nao me importava de receber em vez de dar ...

Por ser um sentimento raro em mim, custa mais a passar, a suportar ...Estranho, nao ? ;)

Mas nao se preocupem ...´acredito que é só mesmo hoje !!

Gosto dos afectos que dou e recebo, do carinho e atençao que dispenso aqueles que gosto verdadeiramente. E com afectos nao me refiro apenas aos físicos, mas sim quando sinto que alguém está mais em baixo ... chego de mansinho e tento animar, passar conforto e mostrar que a vida por mais madrasta que seja em determinados momentos, mostra-nos sempre que há uma saída, um caminho cheio de optimismo. Estamos sempre rodeados de amigos que nos querem bem, que se preocupam, que nos confortam, que nos fazem crescer e crescem connosco na partilha de vivências e experiências.

Sou mais do tipo de dar em vez de receber, de estar sempre disponivel para os que necessitam de mim ...

Uma beijoca carinhosa

6 comentários:

Zé dos Anzóis disse...

Jokinhas ;)
Za

zmsantos disse...

Hoje, é um outro dia. Espero que a tristeza já tenha partido, mas se ela teimar quero que saibas que estamos por aqui. Prontos a devorá-la...

Beijinhos :)

Carol disse...

Meus queridos,

Conheço-me ... e de facto sentimentos tristes não ficam comigo muito tempo ... hoje é outro dia ... em que acordei como ele ... mais bem disposta, com um sorriso no roste e deixando as tristezas para trás ...

Beijocas grandes para vocês :)

Mário Franco disse...

Quando a tristeza vem e não é habitual,parece maior não é?
Ás vezes é mesmo assim, o motivo está lá, sente-se mas só nos lembramos mais tarde o porquê, é o tal click.
Mas como a alegria e maior...dissipa-se a tristeza num ápice e segue-se para outro dia bem melhor.

Leticia Gabian disse...

Há os dias sim...Há os dias não. Aprendemos com esta variação, crescemos, nos conhecemos e reconhecemos com quem podemos contar.Conta comigo.Beijinhos e carinho

Carol disse...

A todos os que se aperceberam do meu dia "nao" o meu bem hajam pelas mensagens de carinho ... ;)

Já dissipei a nuvem negra e continuo bem disposta, pronta para enfrentar novos dias com optimismo .... foi apenas uma breve pausa na minha boa disposiçao costumeira ...

Beijocas grandes para todos :)