quarta-feira, 1 de outubro de 2008

Guapita ...:)

Não podia deixar passar em branco e tu sabes bem o que é ... estamos sempre lá .... sempre ... nos bons e nos maus ...

A força da nossa amizade vence todas as diferenças...

Aliás... para quê diferenças se somos amigos?

Quando erramos... nós perdoamos e esquecemos

Se temos defeitos... não nos importamos...Trocamos segredos... e respeitamos as divergências...

Nas horas incertas, sempre chegamos no momento certo...

Nos amparamos...nos defendemos...sem pedir...fazemos porque nos sentimos felizes em fazer...

Nos reverenciamos... adoramos... idolatramos... apreciamos... admiramos।

Nos mostramos amigos de verdade, quando dizemos o que temos a dizer...

Nos aceitamos , sem querer mudanças...

Estamos sempre presente, não só nos momentos de alegria, compartilhando prazeres, mas principalmente nos momentos mais difíceis...

Beijocas, sempre मुइतास !!!!!!!!!!!!!!!

3 comentários:

Mukanda disse...

Meu amor, um dia deste li este provérbio que gostei muito.
Partilho contigo.
Um beijo grande e obrigada.
Andreia Vilarinho Flórido = Mukanda

"Diz uma linda lenda árabe que dois amigos viajavam
pelo deserto e em um determinado ponto da viagem
discutiram.O outro, ofendido, sem nada à dizer,
escreveu na areia:HOJE, MEU MELHOR AMIGO ME BATEU NO ROSTO.
Seguiram e chegaram a um oásis onde resolveram banhar-se.
O que havia sido esbofeteado começou a afogar-se sendo
salvo pelo amigo.Ao recuperar-se pegou um
estilete e escreveu numa pedra:
HOJE, MEU MELHOR AMIGO SALVOU-ME A VIDA.Intrigado, o amigo perguntou:
Por que depois que te bati, você escreveu na areia e agora escreveu na pedra?
Sorrindo, o outro amigo respondeu:
Quando um grande amigo nos ofende, deveremos escrever na areia onde o vento do
esquecimento e do perdão se encarregam de apagar;porém quando nos faz algo
grandioso, deveremos gravar na pedra da memória do coração,
onde vento nenhum do mundo poderá apagar !!!!"

Carol disse...

Guapita,

Há muito que estás gravada " a ferro e fogo" no meu coraçao ... :)

Beijocas grandes :)

Leticia Gabian disse...

Puxa!
Que grande e poderoso provérbio!
Vou tentar conservá-lo sempre junto ao peito pra nunca esquecer.

Beijos